27 de Maio de 2019

Saúde

Ginástica laboral: benefícios da prática para a saúde

Atividades repetitivas por várias horas seguidas costumam ser a ocupação remunerada de milhares de brasileiros. Essas condições de trabalho exigem esforços sem controle ergonômico, o que provoca dores e outros problemas para os colaboradores, mas para amenizar os efeitos sobre o corpo e melhorar a qualidade de vida e de trabalho, é recomendado realizar ginástica laboral.

Saiba mais sobre essa modalidade de exercícios!

O que é ginástica laboral?

Ginástica laboral

A ginástica laboral é um conjunto de exercícios que alongam os músculos, ajudando a relaxar as tensões musculares de trabalho. Ela é feita dentro do ambiente da empresa e durante o expediente, com duração de aproximadamente 15 minutos. Segundo o Conselho Federal de Educação Física, o objetivo é melhorar a capacidade funcional dos trabalhadores por meio de dinâmicas de recreação, prevenindo lesões ocupacionais.

Tipos de ginásticas laborais

O que é ginástica laboral

Ginástica preparatória

É realizada no início da jornada para aquecer os músculos, estimular a circulação sanguínea, oxigenar a musculatura, despertar a mente e aumentar a disposição e a capacidade de concentração.

Ginástica de relaxamento

Realizada ao fim do expediente para amenizar a tensão do dia. Os exercícios de relaxamento têm o objetivo de evitar o acúmulo de ácido lático e prevenir lesões.

Ginástica compensatória

É feita no meio do expediente, para quebrar a rotina e executar exercícios específicos para compensar os movimentos repetitivos e posições inadequadas.

5 Benefícios da ginástica laboral

Ginástica compensatória

1. Aumento da produtividade

Empresas que estimulam o bem-estar e saúde dos funcionários são avaliadas com mais altos índices de produtividade, inovação e criatividade.

2. Diminuição dos acidentes

A ginástica laboral aumenta a atenção e estimula o sistema neuromotor, prevenindo acidentes de trabalho provocados por desequilíbrio, sobrecarga ou esforço repetitivo.

3. Redução do absenteísmo

A realização dos exercícios com frequência melhora a resistência cardiorrespiratória e muscular, diminuindo os afastamentos de colaboradores por doenças crônicas, como crises diabéticas e pressão alta.

4. Melhoria do clima organizacional

Além dos benefícios para o corpo, a ginástica no trabalho também é uma maneira de descontração, tornando o ambiente mais leve e confortável para a equipe.

5. Legislação

Norma Regulamentadora nº 17 (NR-17) traz todas as especificações ergonômicas que devem ser adotadas em empresas. A ginástica laboral é pensada para agir diretamente nos pontos tratados pela norma.

 

Veja também: Exercícios pela manhã: 4 motivos para começar a praticar

—————————————————————————————–

Somos referência em produtos dos segmentos de tintas, automotivo e construção.
Veja nossos produtos no nosso site.

——————————————