10 de Maio de 2019

Saúde

Sono e saúde: veja com que frequência é preciso trocar de travesseiro

O ser humano passa aproximadamente um terço da vida dormindo, e o travesseiro é onde ele deita o seu rosto todas as noites. No entanto, entre os itens da cama, ele é possivelmente o que menos recebe atenção.

Você lembra quando foi a última vez que trocou seu travesseiro? Muitas pessoas acabam usando os mesmos travesseiros por anos sem considerar que eles podem estar prejudicando sua saúde.

Com o uso, os travesseiros acumulam ácaros, fungos, bactérias e sujeiras que podem causar ou agravar doenças, principalmente para quem já sofre com alergias.

Além disso, a troca de travesseiro preserva a sua postura. Isso porque, com o tempo, o material cede, não mais oferecendo a mesma sustentação para a coluna e o pescoço.

Segundo especialistas, um travesseiro tem vida útil de, no máximo, dois anos. Mas o ideal é que a troca seja anual.

Capas herméticas podem ajudar a prolongar a vida útil do travesseiro, mas não conseguem impedir totalmente o acúmulo dos ácaros e da sujeira.

Optar por modelos laváveis pode ser bom, mas é preciso ficar atento, já que eles precisam secar muito bem. Se restar umidade, mesmo que imperceptível para você, os ácaros irão se proliferar ainda mais.

E não adianta recorrer ao sol, pois o calor pode criar um ambiente ainda mais propício para a proliferação de bactérias. O ideal é colocar o travesseiro em um local arejado, mas sem incidência solar direta.

Quem conta com animais de estimação em casa precisa redobrar a atenção. Mesmo sem querer, eles acabam levando sujeira e micro-organismos de um ambiente para o outro.

Agora que você viu como os travesseiros influenciam na sua saúde, providencie a troca sempre que necessário. Essa é uma maneira de assegurar uma boa noite de sono, qualidade de vida e bem-estar.

E por falar em saúde, vale ressaltar: não se esqueça do protetor solar, em qualquer estação. Para isso, conte com a linha Sun Prime, da My Health.

Veja também: 6 sinais de que você está bebendo pouca água